Colors: Orange Color

A Petrobras vai elevar mais uma vez os preços da gasolina e do diesel nas refinarias a partir de terça-feira (2), informou a companhia nesta segunda-feira, por meio da assessoria de imprensa. A nova alta vem pouco mais de uma semana após o presidente Jair Bolsonaro pedir a substituição do presidente da petroleira.

O preço médio de venda da gasolina passará a ser de R$ 2,60 por litro, alta de R$ 0,12 por litro (4,8%), enquanto o diesel passará a média de R$ 2,71 por litro, aumento de R$ 0,13 por litro (5%).

A gasolina e o diesel registram os maiores preços médios já vistos nas bombas dos postos de todo o Brasil. Na semana passada, a média nacional do preço da gasolina chegou a R$ 4,92 por litro, de acordo com dado mais recente da Agência Nacional de Petróleo (ANP). Isso representa 8% a mais que em fevereiro do ano passado, pouco antes de a pandemia de coronavírus se alastrar pelo mundo e derrubar as cotações do petróleo e dos combustíveis a seus menores níveis em anos.

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta sexta-feira (5) que o governo avalia um projeto para estabelecer um valor fixo do ICMS sobre combustíveis ou a incidência do ICMS no preço dos combustíveis vendidos nas refinarias.

Bolsonaro deu a declaração após uma reunião com ministros e com o presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, em que foram discutidas maneiras de conter a disparada dos preços de combustíveis no país.