Os alunos do curso de direito de uma universidade particular de Ourinhos publicaram uma carta de repúdio e pediram o afastamento do professor que viralizou e causou polêmica nas redes sociais ao dizer que o comportamento da vítima de estupro pode “colaborar” com o crime.

Na carta aberta que foi divulgada na página da Associação Atlética Acadêmica de Direito FIO no Facebook, assinada por alunos de vários períodos do curso de Direito da Unifio, os estudantes pedem o afastamento do professor Fábio Alonso das atividades, uma vez que, segundo os próprios alunos, ele não teria entendido o posicionamento deles apesar da conversa que tiveram com o docente.

“Por mais que a gente tenha conversado já com o professor sobre o ocorrido, as recentes entrevistas por ele dadas aos meios de comunicação, que agora estão sendo divulgadas, demonstram que o que foi exposto pelos alunos ainda não foi por ele compreendido, sendo este o primeiro ponto de nossa nota.”

Um jovem de 19 anos foi preso no último sábado, 17, ao invadir a casa da ex-namorada, no Jardim Nova Redenção. De acordo com a vítima, de 20 anos, cujo nome não foi divulgado, o rapaz chegou em sua casa, onde ela estava com uma amiga e tentou arrombar a porta de seu quarto. Ele ainda teria danificado o retrovisor de sua moto e tentado colocar fogo na mesma.

A polícia foi chamada ao local, onde o acusado foi preso em flagrante por violência doméstica. Segundo os policiais, no momento da prisão, ele ainda teria ameaçado a vítima dizendo que 'quando saisse da prisão, ia ser pior'.

A Secretaria de Saúde divulga o cronograma de vacinação contra Covid-19 em Itápolis, seguindo o Plano Nacional de Vacinação

Idosos 66 anos -  A partir de segunda-feira (19/04)
 Centro de Saúde - 8h às 14h
UBS de Tapinas - 8h às 11h30

 Idosos 65 anos -  A partir de terça-feira (20/04)
 Centro de Saúde - 8h às 14h
UBS de Tapinas - 8h às 11h30
UBS de Nova América - 8h às 11h30

Cuidadores de Idosos
 Centro de Saúde - 8h às 14h

Profissionais da Saúde
UBS Jacy Tucci - 8h às 14h

Professores e profissionais da Educação (acima de 47 anos) que já tenham realizado o pré-cadastro no vacinaja.educacao.sp.gov.br e recebido a confirmação deste cadastro, recebem a vacinação, seguindo agendamento das Secretarias de Educação e Saúde.

Você sabia que parte de seu imposto de renda pode ser destinado para um projeto social, sem pagar nada a mais por isso?

Trata-se de uma porcentagem que fica retida na declaração do Imposto de Renda Devido que você tem a chance de doar para auxiliar importantes trabalhos sociais que atendem crianças, adolescentes e idosos de Itápolis.

Uma excelente opção para fazer o bem ao próximo, destinando os recursos aos Fundos Municipais do Conselho Municipal dos Direitos do Idoso ou Conselho Municipal da Criança e do Adolescente.

Composto por representantes do poder público e da sociedade civil, estes Conselhos Municipais, recebem as propostas de trabalho das entidades que desenvolverão as ações públicas que colaborem com a população atendida, utilizando os valores doados para concretizar o projetos.

Um histórico de atividade física consistente está fortemente associado a um risco reduzido de Covid-19 grave, de acordo com um novo estudo divulgado nesta semana. O trabalho da organização sem fins lucrativos Kaiser Permanente, publicado no British Journal of Sports Medicine, analisou quase 50 mil adultos com Covid-19.

Os resultados mostraram que aqueles que atingiram a meta das diretrizes de atividade física do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos - de pelo menos 150 minutos por semana de atividade física moderada ou vigorosa - apresentaram incidências significativamente menores de hospitalização, admissão em UTI e morte devido à Covid-19.

Até esta quarta-feira, 15, Ibitinga teve 5109 confirmações de COVID-19 no município, sendo 2717 pelos exames de PCR (Síndrome Gripal e Síndrome Respiratória Aguda Grave) e 2392 confirmações de “testes rápidos”. As informações são da prefeitura de Ibitinga.

Outros 146 casos suspeitos aguardam confirmação de exame PCR:
145 pacientes que não necessitaram de internação ou que tiveram alta, e estão em isolamento domiciliar.
01 paciente que está em enfermaria.

Dados do Ministério da Saúde mostram que mais de 1,5 milhão de pessoas perderam a janela máxima para receber a segunda dose da vacina contra a Covid-19. Mesmo assim, a recomendação de especialistas é terminar o ciclo da imunização.

A recomendação de especialistas é que as pessoas que não ainda não receberam a segunda dose compareçam a uma unidade de saúde para completarem a imunização, mesmo com atraso.

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou nesta quarta-feira (14) a ampliação da campanha de vacinação contra a Covid-19 no estado para o grupo de pessoas com idades entre 60 e 64 anos. A nova etapa do Programa Estadual de Imunização (PEI) será realizada em duas datas de atendimento aos idosos.

No dia 29 de abril, a campanha começa a vacinar pessoas de 63 e 64 anos. A partir do dia 6 de maio é a vez dos idosos com idades entre 60 e 62 anos tomarem a primeira dose da vacina. O governo do estado estima que mais de 2,4 milhões de pessoas serão vacinadas nesta nova fase do programa.

O ator Paulo Gustavo completou nesta terça-feira, um mês de internação por causa da Covid-19. O humorista continua em estado crítico e intubado na UTI de um hospital na Zona Sul do Rio de Janeiro. Durante este período, o quadro clínico de Paulo apresentou altos e baixos.

A hospitalização de Paulo Gustavo foi divulgada por sua assessoria de imprensa no dia 15 de março e pegou os fãs de surpresa. Dois dias antes, ele compartilhou uma mensagem de feliz aniversário para o marido nas redes sociais, sem mencionar qualquer problema de saúde.

Em meio às restrições para combater o novo coronavírus, o estado de São Paulo registra queda de 17,5% nas internações em duas semanas. É a primeira vez desde 20 de março que o estado contabiliza menos de 12 mil hospitalizações em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) pela doença.

No momento, São Paulo tem um total de 25.700 pessoas hospitalizadas pela Covid-19: 13.726 pacientes estão em leitos de enfermaria, enquanto 11.974 seguem o tratamento em UTI.

Reginaldo Magalhães de Oliveira, 34 anos, foi morto por Caio Jeferson na noite de sábado, 10, após tentar socorrer os vizinhos, que estavam sendo agredidos.

Segundo a polícia, Caio, de 28 anos, foi até a casa da ex-namorada, Letícia, no Jardim Tropical, e começou a ameaçá-la com uma faca. Os avós da moça tentaram conter o agressor e foram esfaqueados.

Letícia correu pedindo ajuda e Reginaldo, que morava na casa ao lado com a esposa e a filhinha, foi ao auxílio dos vizinhos.

Continua nesta segunda-feira (12), a vacinação contra COVID-19 em Itápolis. Confira o cronograma:

2ª Dose da Vacina

 Idosos acima de 72 anos, Cuidadores de Idosos e Profissionais de Saúde (seguindo a data anotada no cartão)

Idosos acima de 72 anos e Cuidadores de Idosos

Segunda a Sexta-feira - 8h às 14h - Centro de Saúde
Segunda a Sexta-feira - 8h às 11h30 - UBS de Tapinas
Terça a Sexta-feira - 8h às 11h30 - UBS de Nova América

Um homem de 70 anos e uma mulher de 47 anos morreram neste sábado e domingo, respectivamente, vítimas da COVID-19. Com isso, Itápolis chega a triste marca de 65 vítimas fatais da doença.

O total de casos confirmados ativos, atualmente, é de 303: 285 em isolamento domiciliar, 08 internados na Enfermaria, 05 internados na UTI e 05 transferidos para Hospital Terciário.

Ao mesmo tempo em que o Brasil enfrenta o momento mais mortal da pandemia sem um plano nacional para conter o avanço do coronavírus, governos locais vêm tomando suas próprias ações para lidar com a covid-19 e suas variantes.

Mas isso nem sempre acontece de forma coordenada.

Enquanto o governo estadual de São Paulo impôs uma série de restrições, dois municípios chamam atenção por posturas opostas contra a pandemia. Bauru e Araraquara estão separadas por cerca de 100 km.

De um lado, o prefeito de Araraquara, Edinho Silva, decretou um rigoroso lockdown em fevereiro, depois de um aumento brusco em números de casos e ocupação de leitos de UTI. O município suspendeu todos os serviços que não têm relação direta com a área da saúde, incluindo transporte público e supermercados — que só podiam funcionar pelo sistema de delivery.

Já em Bauru, a prefeita Suéllen Rosim impôs restrições mais leves. Ela defende a abertura de lojas e tem declarado que lockdown não funciona. No Instagram, Rosim publicou vídeo de uma carreata que, em suas palavras, pedia a "abertura responsável do comércio local". Em outra publicação em que aparece cantando em uma igreja, em fevereiro, a prefeita disse que "tudo deveria ser considerado essencial em quase um ano de pandemia".

Pesquisadores da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) e da Universidade de São Paulo (USP) desenvolveram um projeto que faz a projeção futura de casos, mortes e internações por Covid-19.

Batizado de “Acompanhamento de curvas de casos, mortes e internações por Covid-19: modelagem matemática, projeção futura e previsão de cenários”, a pesquisa conta com a participação de três docentes e um pós-doutorando da UFSCar e um professor da USP.

Perto do encerramento de uma campanha de vacinação em massa inédita em todo o país, autoridades e especialistas em saúde de Serrana relatam os primeiros sinais de queda na demanda por atendimentos e na incidência de casos graves entre moradores que contraíram o coronavírus.

A Vigilância Epidemiológica do município informa que esse contexto de mudança, embora ainda não possa ser diretamente associado à imunização promovida pelo projeto do Instituto Butantan, é reforçado pela ausência de pacientes entubados na unidade de Pronto Atendimento (UPA) desde o fim de semana.

Enfermeiro responsável da UPA, Thiago Bueno também vê essa melhora nos números.

O Brasil registrou 4.211 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, batendo pela primeira vez a marca de 4 mil óbitos anotados em um só dia e totalizando nesta terça-feira (6) 337.364 vítimas. Com isso, a média móvel de mortes no país nos últimos 7 dias ficou em 2.775. Em comparação à média de 14 dias atrás, a variação foi de +22%, indicando tendência de alta nos óbitos pela doença.

Imagine um mundo assolado por uma pandemia altamente transmissível. A orientação básica é para que as pessoas não se aglomerem, fiquem em casa na medida do possível e evitem ao máximo qualquer evento público. Em uma determinada localidade, contudo, um bispo insiste: contra o mal, é hora de reforçar as preces. Não em casa, mas nas igrejas. Com novenas, procissões e toda a sorte de devoções.

Subcategorias