pizza

Escorpião ficou preso na costura lateral do boné (Foto: José Oliveira/Arquivo Pessoal)

Um pizzaiolo de 39 anos diz que encontrou um escorpião amarelo dentro do boné em que usava, no bairro Jussara, em Araçatuba (SP). O caso chamou a atenção porque ele teria andado com o aracnídeo por duas horas no boné sem perceber - e sem ser picado. O caso aconteceu na semana passada, mas ele só divulgou o vídeo em que mostra o animal nesta quinta-feira (24).

De acordo com o pizzaiolo, José Gomes de Oliveira, ele saiu de casa para ir até o centro da cidade, quando colocou o boné, o capacete e saiu de moto. O homem disse que ficou por quase duas horas com o boné sem que fosse picado pelo escorpião amarelo, uma das espécies mais perigosas.

Durante o percurso, Oliveira parou em um posto de combustíveis para abastecer a moto, tirou o capacete e o boné, quando encontrou o animal escondido no acessório. Segundo o pizzaiolo, em momento algum percebeu o escorpião andando pela cabeça. “Não percebi nada de diferente. Acredito que quando coloquei o capacete ele tenha ficado sem espaço para se movimentar”, diz Oliveira.

Ele conta que, por sorte, o animal ficou preso em uma costura lateral resistente do boné, o que deve ter evitado o contato do com a cabeça. “Ele só não me picou porque ficou preso dentro de uma tira do boné. Como ela é feita em couro, isso pode ter contribuído para que não acontecesse algo de mais grave.”

Segundo o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), a recomendação para esse tipo de caso, é entrar em contato com o CCZ para que o escorpião seja recolhido da forma correta.

Do G1

Mais Lidas