lilium-citronella 600

A citronela é uma planta aromática que ficou bem conhecida por fornecer matéria-prima (óleo essencial) para a fabricação de repelentes contra mosquitos e borrachudos. Considerado um ótimo repelente, o óleo da citronela é rico em geraniol e citronelal.  Por isso, a planta é considerada uma das aliadas naturais no combate à dengue. Até as velas feitas desse óleo são indicadas contra a dengue, já que o calor facilita a propagação do cheiro, indesejado pelo mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue.

Inclusive, a Lei Municipal Nº 3.190 de junho de 2015, de autoria da presidente da Câmara, Edmércia Micheletti Diniz, dispõe sobre a criação do programa de incentivo ao cultivo das plantas citronela e crotalária no município, como um dos instrumentos de combate ao Aedes aegypti.

As ações de conscientização relacionadas à prevenção da transmissão da dengue na cidade têm sido realizadas pelo Controle de Vetores, que vistoria as residências e orienta os moradores sobre a importância de não deixar água parada para que o mosquito Aedes não se prolifere. O cultivo da citronela e crotalária, portanto, seria mais um aliado na luta contra dengue.

A Administração Municipal de Itápolis incentiva o cultivo destas plantas em quintais, vasos ornamentais, jardins, margens de rios, lagos, praças, terrenos baldios e áreas públicas.

Há quem pergunte se apenas cultivando a citronela no jardim é possível usufruir do poder repelente da planta. A resposta é sim, mas com uma ressalva: para que o resultado seja positivo, é preciso plantar a citronela no caminho percorrido pelo vento, de forma que leve o aroma até o local de onde desejamos manter os mosquitos afetados. Outra forma de aproveitar o poder repelente da planta é fazer um chá com as folhas da planta e usá-lo para limpar o chão e passar em parapeitos de janelas.

Da Assessoria 

Mais Lidas