Colors: Yellow Color

A terceira onda de calor de 2024 chegou a algumas regiões do Brasil.

Áreas do Sul, Sudeste e Centro-Oeste do Brasil enfrentam nesta semana (11 a 15 de março) uma nova onda de calor, segundo alerta do Inmet, com temperaturas que podem chegar a 40°C em alguns locais.

Embora algumas regiões do Brasil frequentemente experimentem altas temperaturas e os brasileiros estejam geralmente mais adaptados ao calor em comparação com populações de países europeus que enfrentaram desafios semelhantes nos últimos meses, a situação é particularmente perigosa devido à sua extrema intensidade.

Estar exposto - especialmente nos horários de pico do calor, entre 12 e 16 horas - pode causar alterações no organismo que oferecem risco à saúde, principalmente para grupos com saúde mais frágil, incluindo idosos, pessoas com comorbidade, e crianças pequenas.

Enquanto o Brasil vive uma explosão de casos de dengue, uma cidade do interior de São Paulo enfrenta a crise com relativa tranquilidade.

Santa Rosa do Viterbo teve apenas 12 casos da doença neste ano e nenhuma morte.

O município tem pouco mais de 26,7 mil habitantes, o que significa que apenas um em cada 5,34 mil moradores foram infectados em 2024.

Isso representa uma redução acentuada em relação a quando o município ainda não tinha lançado mão de uma nova estratégia de combate à dengue.

A Prefeitura aponta que conseguiu controlar a disseminação da doença com a instalação de armadilhas para capturar mosquitos Aedes aegypti, o vetor de transmissão da dengue.

Viajar e deixar os pets para trás já não é uma opção há muito tempo, já que os animais de estimação são cada vez mais considerados integrantes da família.

Ter os companheiros de quatro patas por perto durante uma viagem exige planejamento e precauções para garantir a segurança e o bem-estar dos animais, além de cumprir normas que prezam pela segurança dos animais e dos outros ocupantes do veículo.

Beatriz Marçal é estudante e tutora do Boris e da Sabrina. Ela conta que sempre tem a companhia dos cachorros quando viaja, mas que nem sempre foi fácil levá-los consigo.

A cafeína é um composto presente em alimentos como o café, o chá, o chocolate e as bebidas energéticas. E ela não é conhecida apenas pela sua capacidade de nos animar e nos manter em estado de alerta.

A cafeína também é considerada aliada no âmbito do rendimento físico. Seu papel é fundamental no metabolismo energético e na oxidação de gorduras durante os exercícios.

Como o corpo usa a energia dos alimentos?
Para compreender o efeito da cafeína, precisamos primeiro entender como e de onde o corpo obtém energia.

Resumidamente, as células das fibras musculares extraem a energia dos carboidratos, das gorduras e das proteínas. Elas transformam tudo em uma das "moedas de troca" que as células entendem: o ATP ou trifosfato de adenosina.

A cantora Valesca Popozuda desembarca em Ribeirão Preto, neste sábado (9), no Espaço Santa Uzina, para se apresentar na 8ª edição do maior pós-Carnaval Universitário da cidade, o ‘Bloco Carnafolia Ribeirão’.

Os ingressos para o evento ainda estão disponíveis e podem ser adquiridos de forma on-line (clique aqui). Os valores variam entre R$ 115 e R$ 265 – todos os setores são open bar.

O positrônio é uma substância extremamente rara, que geralmente existe por apenas 142 bilionésimos de segundo e é capaz de gerar grandes quantidades de energia. Estudá-la pode trazer mais entendimento sobre a antimatéria que existia na origem do Universo e, com isso, revolucionar a Física, o tratamento do câncer e talvez até viagens espaciais.

Até aqui, no entanto, tem sido quase impossível analisar a substância porque seus átomos se movem demais.

Agora os cientistas têm uma solução alternativa: congelá-la com lasers.

"Os físicos estão apaixonados pelo positrônio", disse Ruggero Caravita, que liderou a pesquisa na Organização Europeia de Pesquisa Nuclear (Cern), que fica perto de Genebra. "É o átomo perfeito para fazer experimentos com antimatéria."

Esquecer-se de coisas no dia a dia pode ser um pouco irritante ou, à medida que envelhecemos, um pouco assustador. Mas é parte da função normal da memória - permitindo-nos seguir em frente ou abrir espaço para novas informações.

As nossas memórias não são, na verdade, tão confiáveis quanto a gente pensa. Mas que nível de esquecimento é normal? Tudo bem confundir os nomes dos países, como o presidente dos EUA, Joe Biden, fez recentemente? Vamos analisar as evidências.

Quando nos lembramos de algo, nossos cérebros precisam aprender a memória (codificar), mantê-la segura (armazenar) e recuperá-la quando necessário (recuperar). E o esquecimento pode ocorrer em qualquer parte desse processo.

Está definido o local e a data da apresentação de Roberto Carlos em Araraquara. A produção do artista confirmou a realização do show do “rei” no dia 5 de abril, às 21h, no ginásio de Esportes “Castelo Branco”, o Gigantão, localizado na Vila Ferroviária.

A venda de ingressos para o show começa ao meio-dia de terça-feira (27) pela internet, na plataforma Eventim (Clique aqui e compre), ou presencialmente sem a cobrança de taxas adicionais na Equilíbrio, na Avenida Bento de Abreu, 1.054, no Centro de Araraquara.

Em 29 de janeiro, Elon Musk postou em sua rede social X, antigo Twitter, sobre o sucesso da primeira intervenção cirúrgica para implante de um dispositivo desenvolvido por sua start-up Neuralink em um humano. O nome do dispositivo: Telepathy (Telepatia).

Na comunidade científica, estávamos atentos aos trabalhos da equipe de Elon Musk desde que, em setembro de 2023, a Food and Drug Administration (FDA) dos Estados Unidos confirmou que o dispositivo poderia ser implantado em humanos.

Após a aprovação da FDA, a Neuralink implantou o Telephaty em uma pessoa escolhida entre um grupo de voluntários com tetraplegia e esclerose lateral amiotrófica.

De início, podemos dizer que o implante foi um sucesso. Mas para conhecer os resultados será necessário acompanhar de perto um estudo que promete ser longo.

O dispositivo da Neuralink transmite a atividade cerebral de forma wireless

Alimentos funcionais são aqueles que fazem bem para a saúde física e mental, melhorando a qualidade de vida. Banana, acerola e abacate estão entre eles.
Nesta semana, o podcast "De onde vem o que eu como" explorou os benefícios e curiosidades sobre esses três alimentos.

O episódio também deu dicas: por exemplo como conservar a banana por mais tempo.

Banana: com sua versatilidade e energia, é uma excelente fonte de potássio, vitaminas A, B1, B2, B3, B6, C e fibras, e ela ajuda também na saúde intestinal e na recuperação muscular.

Depois de passar por mais de 135 cidades e 21 países diferentes, chegou a hora de São Paulo e Rio de Janeiro serem palco da apresentação CRYSTAL, a primeira experiência acrobática da companhia canadense Cirque du Soleil no gelo.

Os cariocas poderão curtir o espetáculo entre 13 e 23 de junho, no Rioarena; já os paulistanos entre 5 de julho e 6 de outubro, no Parque Villa-Lobos.


Usando projeções visuais grandiosas no gelo e uma trilha sonora que combina perfeitamente música pop com o som característico do Cirque du Soleil, CRYSTAL transporta o público para uma experiência visual e auditiva cheia de magia e maravilha. Criado por Shana Carroll e Sebastien Soldevila, CRYSTAL leva o público a uma jornada emocionante de autodescoberta cheia de capricho e admiração. Sinta sua adrenalina subir ao mergulhar em um mundo de imaginação lúdica com a protagonista do show, Crystal, enquanto ela aprende a ver as coisas de maneira diferente e a se tornar quem sempre esteve destinada a ser: ela mesma.

O veneno produzido por uma aranha brasileira serviu de inspiração para uma pesquisa que busca novas formas de tratar o câncer.

O trabalho, conduzido há cerca de 20 anos por cientistas do Hospital Israelita Albert Einstein e do Instituto Butantan, em São Paulo, avalia o potencial terapêutico de uma substância obtida a partir da Vitalius wacketi, uma aranha que habita o litoral paulista.

O candidato a remédio oncológico, porém, não é feito diretamente do veneno: as moléculas foram isoladas, purificadas e sintetizadas em laboratório, a partir de técnicas desenvolvidas e patenteadas pelos especialistas brasileiros.